EILE 2016

Saiba mais como foi o EILE 2016

Em sua primeira edição, o EILE contou com a participação de 44 alunos, de 6 países (Brasil, Portugal, França, México, Peru, Colômbia) e 9 universidades (Universidade de São Paulo, Universidade do Minho, Universidade do Porto, Universidade de Aveiro, École Centrale Paris, Instituto Poliécnico Nacional, Tecnológico de Monterrey, PUC Peru e Universidad Industrial de Santander).

Em grupos com participantes de nacionalidades diversas, os alunos, após participarem de painéis e palestras que tratavam de temas relevantes para a temática do evento, como mobilidade, urbanismo, saneamento e energia, além de um case sobre gestão de cidades, elaboraram projetos de soluções para problemas enfrentados por cidades brasileiras. Dentre os projetos, três tratavam de mobilidade, um de reciclagem, um de urbanismo em favelas e outro de uma plataforma de integração e coleta de dados e índices de cidades.



Após três meses de desenvolvimento, nos quais contaram com o apoio e orientação de professores da Escola Politécnica, os relatórios finais dos projetos foram entregues e submetidos a uma Comissão Avaliadora que selecionou o melhor, a partir dos critérios: inovação; viabilidade de implementação e impacto na sociedade.

Na edição de 2016, o projeto vencedor, chamado de “Smart Canaries” foi desenvolvido por um grupo formado por cinco brasileiros e dois portugueses. Consiste na criação de uma plataforma que possibilitará a integração e a correlação de dados de diferentes estudos realizados em uma cidade.

Veja o documentário que produzimos sobre o EILE 2016: https://www.youtube.com/watch?v=PLaDKnDSGhw

Confira os vídeos de todos os painéis e palestras na playlist: https://www.youtube.com/playlist?list=PLTVL6Lz6tXqNKuPjrrLC0jRKzzN_wLG7v